Últimas

Recenseadores do IBGE têm aparelhos roubados em cinco cidades da Paraíba

 


Servidores recrutados para trabalhar no censo demográfico realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) foram alvos de bandidos durante o serviço na Paraíba. Ao menos cinco profissionais tiveram os equipamentos e objetos pessoais roubados em cidades do interior do estado, a exemplo de Campina Grande.

A instituição registrou Boletins de Ocorrência junto à Polícia Civil da Paraíba. O coordenador de divulgação do censo, Jorge Alves, lembrou que os equipamentos que foram roubados servem exclusivamente para o trabalho realizado pelos profissionais.

“Não se trata de um tablet ou smarthphone. Se não for para construção do censo, ele não serve pra mais nada. Vira, praticamente um tijolo”, disse.

A coleta domiciliar do Censo Demográfico 2022 começou no dia 1º deste mês. A previsão é de realizar entrevistas em quase 90 milhões de endereços, nos 5.568 municípios brasileiros. De acordo com o IBGE, os resultados do levantamento revelam as tendências e os parâmetros sobre nascimentos, mortes e migração, indispensáveis para a elaboração de projeções, estimativas populacionais e políticas públicas específicas.

 

Postagem Anterior Próxima Postagem