Últimas

CASO ROSSANA: Acusado de tentativa de feminicídio se entrega a Polícia Civil em Monteiro

 


Na manhã de sábado(16/07), após tratativas com familiares e com o Advogado de J.A.S, o acusado da tentativa de feminicídio praticada em desfavor da jovem Rossana Álvaro Queiroz, de 27 anos de idade, se apresentou ao Delegado Seccional de Polícia Civil de Monteiro, Gilson Duarte e teve seu mandado de prisão cumprido.

 

J.A.S. se apresentou e, por orientação da defesa, se utilizou do direito de permanecer em silêncio, tendo sido, em seguida, e encaminhado ao sistema penitenciário.

 

A investigação do caso se iniciou com autuação em flagrante de J.A.S., no dia do fato, 28 de junho, pelo Dr. Leonardo Pinho, e foi finalizada pela Dra. Renata Patu no último dia 10 de julho, que relatou o Inquérito Policial e, novamente, representou pela Prisão Preventiva do indiciado.

 

O Ministério Público ratificou o pedido e o judiciário terminou por decretar a prisão preventiva de J.A.S nesta última quinta-feira, dia 14.

 

Relembre o caso:

 

Na manhã de 28/06/2022, o casal J.A.S. e ROSSANA ALVARO QUEIROZ retornou da festividade junina, quando J.A.S. agrediu brutalmente, por motivo não revelado, a companheira ROSSANA. A vítima foi socorrida por vizinhos, que acionaram o SAMU, tendo o serviço de saúde levado-a ao Hospital Regional Santa Filomena, de onde ela foi transferida para o Hospital de Trauma de Capina Grande, devido a gravidade dos ferimentos. A vítima permanece entubada.

 

O caso ganhou mais publicidade porque J.A.S. foi solto pelo Poder Judiciário, porém, após a diligente investigação, a Vara de Monteiro, aceitando os argumentos encetados pela Delegada do caso, Dra. Renata Patu, expediu novo mandado de prisão, que foi cumprido hoje.

 

Com Jornalismo 95FM

Postagem Anterior Próxima Postagem