Últimas

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Responsive Advertisement

Polícia investiga morte de bebê com marcas de espancamento


A Polícia Civil está investigando a morte de um bebê de 1 ano e 2 meses, que chegou ainda sem vida ao Hospital da Criança de Campina Grande, na noite de segunda-feira (23). De acordo com as informações da polícia, a criança tinha vários hematomas pelo corpo, e alguém da família é suspeito de espancá-lo.

 

A equipe da Polícia Militar foi acionada por volta das 19h50, no conjunto habitacional Aluízio Campos, onde a criança morava. Em depoimento à polícia, a mãe da vítima informou que tem outros quatro filhos.

 

Segundo a PM, a criança foi levada ao hospital por familiares. Em seguida, o Conselho Tutelar foi chamado, e foi quem acionou a Polícia Civil. Foram conduzidos até a Central de Polícia os pais, a avó e outras testemunhas para serem ouvidas, pois havia contradição entre o relato do pai, da mãe e da avó.

 

Testemunhas relataram à polícia ter conhecimento sobre a criança ter sido espancada, sendo esta a possível causa da morte. Ainda segundo relatos, a mãe tinha envolvimento com questões de violência com os outros filhos. O padrasto da criança tem passagem pela polícia.

 

Segundo o delegado André Rabello, a criança apresentava graves sinais de espancamento. Durante toda a madrugada, familiares da criança foram ouvidos. "A criança tinha vários hematomas e estamos ouvindo pessoas desde a madrugada", disse.

 

Fonte: G1 PB