Últimas

Lacen-PB passa a dar suporte à OMS na composição de vacinas contra a influenza

 


O Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba realizou a ampliação do seu parque tecnológico e com isso passa a dar suporte a Organização Mundial de Saúde (OMS) na composição de vacinas contra a influenza.

Com a nova metodologia adotada pelo laboratório, vai ser possível identificar os vírus que causam doenças respiratórias e os que estão mais ativos na Paraíba, afirma o diretor geral do Lacen-PB, Bergson Vasconcelos. As informações serão encaminhadas para a OMS, dando suporte na composição de vacinas para Influenza que são feitas anualmente.

Antes da ampliação do parque tecnológico, as amostras recolhidas pelo Lacen-PB eram enviadas para o Instituto Evandro Chagas, no Pará. Agora, o processo de identificação de vírus que causam doenças respiratórias, como a Covid-19, será feito aqui na Paraíba e os resultados sairão em até 48 horas.

O Lacen já realizou 29.507 exames para o diagnóstico da Covid-19, de acordo com o Governo da Paraíba. Desses, 11.164 tiveram o resultado detectável e 18.343 foram descartados. No momento estão em análise 475 amostras.

Fonte: Portal Wscom

Postagem Anterior Próxima Postagem